Estamos no mês da advocacia!
Uma carreira em que os espaços de poder são predominantemente ocupados por homens brancos e estruturada de forma a garantir que estes ocupem as melhores posições e recebam os melhores salários.
A despeito dos avanços alcançados como o aumento considerável de pessoas negras nos cursos universitários – permitindo que passássemos a transitar em maior número em ambientes antes restritos a uma branquitude privilegiada – mecanismos de opressão também são utilizados para invisibilizar a presença de profissionais negros e negras no Direito.
O racismo, produzido e operado pelas instituições, sejam elas entidades de classe, órgãos do poder judiciário, escritórios de advocacia ou departamentos jurídicos de empresas faz com que o exercício da profissão seja hostil para pessoas não brancas, criando barreiras sistemáticas para a atuação da advocacia negra, bem como para a ascensão profissional, social e econômica.
Porém, estamos aqui para lembrar que, embora sejamos menos de 1% nos grandes escritórios, já somos 23% dos estudantes de Direito*, somente considerando as 10 melhores faculdades do país.
Estamos cada vez mais articulados, denunciando o racismo na advocacia e em todo o meio jurídico, lutando por equidade racial e a ocupação de espaços que também são nossos por direito e não mais aceitaremos sermos tratados como cidadãos e cidadãs de segunda classe.
Estamos aqui para lembrar que não somos invisíveis e o mês da advocacia também é nosso!

Preparamos uma programação especial para o mês da advocacia! No mês da advocacia homenagearemos nossos associados e associadas que tanto contribuem para a luta de enfrentamento ao racismo e para o reconhecimento da advocacia negra e das nossas competências profissionais, dedicando nossas redes sociais a todos. Também lançaremos campanha em 11 de Agosto.

Nossos debates ocorrerão às segundas, a partir das 18:00, com a presença de profissionais negros e negras que atuam em diversas áreas do Direito.

No responses yet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *